DIY: Talismã de Proteção para Animais de Estimação

quinta-feira, dezembro 17, 2020

Depois que perdi meu gato tão repentinamente e adotei uma filhotinha de 1 mês e meio, fiquei traumatizada com o que aconteceu. Fico observando ela o tempo todo para conferir se ela está bem. 


Como criar um Talismã de Proteção para Animais de Estimação
Ela usa folhinhas dentro da coleira ♥


Confesso que ainda me bate uma saudade imensa dele, mas jamais o o comparo com ela, que por sinal é um anjinho de tão fofa e meiga.

Tenho agora duas gatas: Tota (da foto) e Iza, que são meus xodós e pretendo cuidar com todo o carinho que eu puder dar.

Enfim, por isso, resolvi dar algumas ideias aqui sobre proteção dos nossos animais de estimação de forma que não os incomodem.

1. Pentagrama

O pentagrama sempre foi e sempre será o amuleto de proteção mais conhecido, porém eu tenho um pouco de receio de usar nos gatos, principalmente nos gatos pretos, porque eles tendem a ter mais chance de serem mortos por conta da estupidez humana, mas se o seu for de apartamento, acho que não tem mal algum.


2. "Olho que tudo vê"

O olho que tudo vê é o símbolo geralmente associado à deusa egípcia Bastet, a deusa dos gatos e da proteção, além de proteger a família. 

Contei um pouquinho sobre essa deusa neste post, para ler, só clicar aqui. É um ótimo, senão o melhor símbolo/pingente para proteger os animais, em especial os gatinhos.

Convém usar a cruz egípcia também.


3. Cristal de banimento e proteção

Pode ser um olho de tigre, um olho de gato, hematita ou uma pedra preta, que possa ficar na coleira do bichinho, mas aí você vai precisar comprar a pedra já com o ganchinho para segurar.

O legal dos cristais é que eles podem acalmar, podem trazer cura para animais doentes, enfim, você pode comprar uma infinidade de cristais para usar na coleira do pet!

Fora que são práticos também, é só comprar, limpar, energizar, colocar na coleira e tá pronto!

4. Um pequeno patuá

Você pode fazer um pequeno saquinho, bem pequeno mesmo, com folhas de arruda e 1 folha de boldo, folha de guiné, e colocar no pescoço do bichinho, mas deve ser pequena para que não o incomode. 

Tipo uns 2cm! 

Você também pode usar para outros fins, como de cura para um gato doente, acrescentando folhas de rosa branca, erva cidreira ou até mesmo usando catnip para os gatos, por que não?


Como fazer o amuleto?

Simples! Você precisará comprar um pequeno amuleto com o pingente que deseja, limpar energeticamente esse pingente e consagrar para proteção do seu bichinho.

Você pode consagrar de várias formas! Eu já fiz um post sobre consagração e limpeza de amuletos e você pode ver clicando aqui.

Feito isso é só colocar no pescoço do pet e deixar ele brincar à vontade! Simples né? É a coisa mais simples do mundo!

Há outras formas de proteção dos pets, como o banho mágico para os bichinhos, mas aí deve-se tomar cuidado em usar ervas que podem ser tóxicas para animais. Aqui no blog, no herbário mais especificamente, você encontra as espécies e há uma legenda se pode ou não usar em animais.

Mas na dúvida, evite o uso se você não conhece a planta! Seu pet também pode ser alérgico, portanto todo cuidado é pouco. Acho mais seguro o uso dos patuás, caso queira muito usar plantas para proteger os bichinhos.


Espero ter ajudado! 
Obrigada por ter lido até aqui!
Beijo!



📝 Postado por Gabi

Sou a fundadora deste cantinho especial chamado Grymora, desde 2020. Taróloga e bruxa natural apaixonada pelo mundo da escrita desde 2008.



Você também irá gostar de ler ♥

0 comentários

A cópia total, parcial ou adaptação deste artigo é proibida de acordo com a lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Não copie, compartilhe! Dê valor ao conteúdo gratuito de qualidade.

Comentários de mau gosto serão EXCLUÍDOS.