Adubação verde: como adubar a terra com feijão

terça-feira, dezembro 01, 2020

Esses dias eu estava mexendo no jardim para plantar novas mudas e encontrei um monte de terra guardada, fiquei mega feliz!



Adubação verde: Como adubar a terra com feijao


Peguei essa terra e tentei plantar algumas sementes que eu tinha aqui mas nenhuma vingou KKKK!

Mas olha a situação que tá a terra também, né? Lama pura, zero drenagem e meu gato estava usando essa terra para cagar ainda HAHAHAHAA! O que não é ruim pois "alimenta" a terra com nitrogênio.

Aí joguei algumas cascas de banana mas ele acabou revirando as cascas e ficou essa bagunça aí que vocês estão vendo na foto abaixo.

Ah, e não tem problema algum os bichinhos fazerem cocô e xixi na terra porque irei plantar uma planta não comestível e fora que o xixi também tem uma alta quantidade de nitrogênio por causa da amônia.

Mas se for planta comestível aí é meio complicado né, pode pegar algumas bactérias e fungos.




Aí hoje eu me lembrei de uma coisa muito simples que surte muito efeito quando uma terra está pobre em nutrientes: plantar feijão!

O feijão é rico em nutrientes e biomassa, além disso é uma leguminosa, ou seja, é capaz de atrair bactérias fixadoras de nitrogênio para suas raízes e, com isso, fertilizar o solo com essa substância que é tão importante para as plantas.

Além disso, é mega sustentável! 

Chama-se adubação verde e é utilizado em plantações para dar uma "folga" na terra e repor os nutrientes depois de plantações que sugam demais do solo, como o café, por exemplo.

O único ponto "negativo" é o tempo, pois demora um pouquinho para a terra começar a ficar nutrida. Porém, evita o uso de fertilizantes industrializados e é super acessível. Que brasileiro não tem feijão em casa, não é mesmo?

Lendo um pouco mais sobre esse assunto, achei no site da Embrapa algumas das espécies mais usadas para adubação verde e foram essas:

  • Feijão-de-porco
  • Feijão Guandu
  • Mucuna ou feijão-da-flórida
  • Feijao-caupi

Porém eu usei o feijão que tinha aqui em casa mesmo, o famoso feijão carioca e da super certo.

Como a nossa pretensão não é plantar hectares e hectares de terras, acho que o feijãozinho comum é suficiente! 

Como plantar o feijão

Bom, eu não sou nenhuma especialista no assunto, mas como bruxinha erveira eu planto da seguinte forma:

Primeiro, faço o pote da terra como todo mundo faz.

A base com uma tela, pedregulhos e pedrinhas embaixo, solo mais arenoso no meio + matéria orgânica e a terra por cima.

Depois, dou uma folgada na terra para ter drenagem no solo e a água não ficar empoçada.

Feito isso, planto os feijões a 2 dedos da superfície, para evitar que eles desçam muito e apodreçam lá embaixo. Aí eu molho só um pouco, 1 vez por dia, acho que não precisa de muita água, mas sempre deixo a terra um pouco úmida porque aqui bate sol o dia todo e a terra seca rápido.


Esses são os feijões após duas semanas de plantados.


Olha eu sou bem generosa então joguei mais ou menos uns 100 grãos de feijão nesse cachepot.

Aí é esperar os feijões crescerem, leva em média 20 a 40 dias, por aí, depois disso você pode plantar as mudas que deseja próximas a eles ou remover os pés de feijões e plantar as mudas que ficarão no pote.

Como saber quando a terra já está adubada?

Normalmente quando a terra está com o pH certo, começam brotar as famosas "ervas daninhas" (que de daninhas não tem é nada), como os trevos, musgos, as quebra-pedras e o bredo.


 
Esse pote de sorvete feio com boldo que vocês estão vendo aqui em cima foi um dos que eu fiz o teste com a adubação de feijão. Nada pegava neste pote, aí plantei feijões e nasceram vários.

Depois arranquei os feijões e passei o boldo para este pote e aí tá ele, já deu até outros dois pés de boldo (e nasceram mais 2 fora do pote, não me pergunte como).

O boldo é super fácil de pegar, mas para um pote que todas as plantas morriam até que está indo bem!

Observe que tem vários trevinhos embaixo. É um ótimo sinal!

Elas indicam que a terra tá no ponto certo, principalmente quando nasce trevos e bredo, portanto não fique triste quando os matinhos começam a crescer porque é um ótimo sinal.

Dica extra dos feijões

Uma outra dica legal é plantar feijões próximos das mudas para evitar pragas, os feijões afastam e ainda fortalecem as raízes das plantas vizinhas.

Outra utilidade do feijão no solo

O feijão também é um excelente enraizador, porque ele produz um ácido chamado indolbutírico ao brotarem. Isso pode ser perfeito para mudas feitas em estacas. 

Muita gente usa o feijão brotado batido no liquidificador para enraizar mudas de orquídeas!

Lembrando que eu sou uma mera iniciante na jardinagem! Conheço sobre plantas no sentido mágico, mas agora estou aprendendo a parte técnica e biológica do assunto também porque pretendo ter minha horta orgânica. ❤️

Compartilho aqui conforme vou aprendendo, pesquisando e acertando.

Eu espero que esse post tenha te ajudado. Se você gostou deste conteúdo, compartilhe! E agradeço por ter lido até aqui.

Beijos



📝 Postado por Gabi

Sou a fundadora deste cantinho especial chamado Grymora, desde 2020. Taróloga e bruxa natural apaixonada pelo mundo da escrita desde 2008.



Você também irá gostar de ler ♥

0 comentários

A cópia total, parcial ou adaptação deste artigo é proibida de acordo com a lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Não copie, compartilhe! Dê valor ao conteúdo gratuito de qualidade.

Comentários de mau gosto serão EXCLUÍDOS.