Resenha: Creme de Hidratação Vegano Skala Lama Negra

sexta-feira, outubro 16, 2020

Resenha do Creme de Hidratação Vegano Skala Lama Negra


Eu fiquei tão feliz de saber que a Skala virou 100% vegana! É bom a gente ter opções baratas de produtos cosméticos veganos, porque isso desmistifica o veganismo como algo elitista e caro(!). 

E logo que eu voltei pintar meu cabelo de preto comecei usar o Skala Lama Negra, que usei em 2015 a última vez e tinha DETESTADO. Odiava o cheiro horrível de látex (kkkkk) que ele tinha e pra variar, dos 1kg que a gente comprava 999g era parafina líquida. Resumidamente, a gente passava plástico de vela no cabelo.

Odiava o resultado, ficava oleoso (e olhe que meu cabelo é seco).

Composição do produto

Analisando a mudança brusca e mantendo o valor que era antigamente, eu fiquei curiosa para saber o que eles mudaram na composição e basicamente agora possui isso:

Aqua, Cetearyl Alcohol, Cetrimonium Chloride, Shea Butter, Cetyl Estes, Parfum, Methylchloroisothianone (and) Methylisothiazolinone, Citric Acid, Argilla Extract (and) Chercoal Powder, Panthenol, Tocopheryl Acetate, Hexyl Cinnamal, Cl 77.266.

Como podemos ver, não vem muita coisa especial não, apenas o Panthenol e Shea Butter (manteiga de karitê) que são altamente hidratantes. De resto, são compostos orgânicos hidratantes comuns em qualquer produto cosmético para cabelos.

Fiquei impactada com a presença da argila (oi?), aí lembrei que é o tal carvão ativado que vem na embalagem.

Quantidade: 1000g
Valor: 8 reais
Nota: 🌕🌕🌕🌑🌑

O que ele promete

O lama negra é feito exclusivamente para cabelos escuros, naturais ou tingidos e possui propriedades hidratantes para reforçar a cor do cabelo escuro, assim como em um banho de petróleo.

Além disso, ele possui carvão ativado, o que pode ser bom para quem possui cabelos oleosos (mas não faz o menor sentido pra mim, porque meu intuito é hidratar o cabelo e não fazer um detox).

O que achei

Eu achei ele muito ralinho e eu preciso usar quilos para hidratar meu cabelo. A consistência permanece a mesma da formulação anterior, mas o cheiro mudou (glória). E é muito cheiroso! O pote é ainda o mesmíssimo! 

Apesar de eu usar muito durante uma lavagem, ele rende que só.

Quem tem cabelo seco pode sentir que ele não hidrata com muita profundidade, imagino que seja por conta do carvão ativado que deve atrair a hidratação após usar o condicionador, então por isso eu o uso como condicionador, porque como creme de hidratação não funciona para mim. 

Tenho cabelo cacheado e uso henê, então meu cabelo é quimicamente tratado e sofre muito com o ressecamento.

Meu cabelo fica bem brilhoso e aparentemente ainda mais escuro quando eu uso ele, o que amo muito! Mas sinto que não hidrata o suficiente.

Então em cabelo seco não funciona tão bem assim. Cabelo seco e poroso é difícil de encontrar formulações que impeçam o ressecamento sem o uso de silicones e parabenos.

Recomendaria?

Sim, recomendo! Pode ser bom para usar como condicionador, principalmente se você pinta os cabelos de preto, pois o carvão ativado pode ajudar remover o excesso da química pós lavagem. 

Porém, como creme de hidratação ou você terá que reforçar com babosa, misturar com outro creme mais potente ou usar óleo de coco, rícino, etc.

Mas para quem tem cabelos normais e gosta do tom preto será muito melhor do que usar o seda pretos luminosos da Unilever que testa em animais e usa produtos de origem animal na composição.

E é isso, espero ter ajudado e contribuído para que você compre produtos veganos a preços acessíveis. Sem crueldade animal e respeitando o meio ambiente. ❤️

Beijos!

COMPARTILHE


Você também irá gostar de ler ♥

0 comentários

A cópia total, parcial ou adaptação deste artigo é proibida de acordo com a lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Não copie, compartilhe! Dê valor ao conteúdo gratuito de qualidade.

Comentários de mau gosto serão EXCLUÍDOS.

ANÚNCIO

Follow by Email